Relatório: Jogo 16 Temporada Regular – Vikings 23 x 10 Bears

Pedimos desculpas pelo atraso e demora neste resumo. Devido as festas de fim de ano, acabamos tendo um contratempo e ficou apenas para esta segunda-feira a análise do que melhor aconteceu na partida contra a equipe de Chicago. Segue o relatório do décimo sexto jogo de temporada regular dos Vikings.

 

Relatório VikingsFA: Jogo 16 Temporada Regular – Vikings 23 x 10 Bears
 
Pontuação do jogo:

 
1° Quarto
 

MIN  TD    L.Murray 1 jarda, corrida (K.Forbath ponto extra) (09:07)

 

2° Quarto


MIN  TD    L.Murray 1 jarda, corrida (K.Forbath ponto extra) (09:30)

CHI   TD    B.Callahan 59 jardas retorno de Punt (M. Nugent ponto extra) (05:50)

MIN  SF     M.Trubisky penalidade dentro da endzone (02:25)

 

3° Quarto

 

MIN  TD    S.Diggs 15 jardas, passe Case Kennum (K.Forbath ponto extra) (00:14)

 

4° Quarto

 

CHI   FG    M.Nugent 55 jardas Field Goal (08:22)

 


BOAS NOTÍCIAS:

 

Defesa: Histórico! Sim, o jogo deste domingo pode ser considerado como histórico para a impenetrável defesa do Minnesota Vikings em 2017. O time limitou a equipe dos Bears a apenas 1 conversão de terceira descida, entre 12 tentativas. Com esta marca, os Vikings entram para a história da NFL como a melhor defesa contra terceiras descidas, permitindo apenas 25,2% de sucesso dos adversários conquistando novos drives. Esta marca é a melhor registrada por uma defesa em temporada regular, desde 1991 (ano em que a estatística teve inicio de registros). Além deste grande feito, os Vikings terminaram a temporada regular como melhor defesa cedendo pontos aos adversários (15,8 média por partida) e menor número de jardas cedidas (275,9 média por partida).

 

Stefon Diggs e Adam Thielen: Fechando a temporada regular com chave de ouro para os 2 principais recebedores dos Vikings. Stefon Diggs, anotou seu oitavo TD no ano (empatando com Rudolph e Murray, jogadores com maior número de TD's no elenco) e de quebra, entrou para o livro dos recordes da equipe de Minnesota, chegando a marca de 200 recepções em apenas 39 jogos (marca que pertencia a Randy Moss e Percy Harvin, com 42 partidas). Por outro lado, Adam Thielen anotou a recepção de número 90 no ano e escalou seus incentivos de contrato ao máximo, lhe rendendo uma nova gratificação monetária pelo feito. Ambos os WR's foram peças chave para o desenvolvimento do ataque dos Vikings nesta temporada e merecem todo respaldo e incentivo para seguir com o time por longos ano por vir.

 

Folga nos playoffs: Merecidíssma, após uma temporada de 13-3, onde muitos (nem mesmo os torcedores) não esperavam tamanha competitividade e resiliência da equipe, com as lesões que tiraram Sam Bradford e Dalvin Cook do time no inicio da temporada. Com a vitória sobre os Bears, a equipe de Minnesota garantiu o segundo lugar geral na NFC e uma folga na primeira semana dos playoffs. Fora dos jogos de Wild card, os Vikings agora esperam os resultados desta próxima semana, para saber quem será seu próximo adversário em casa, brigando por uma vaga na disputa pelo titulo da NFC e um carimbo ao passaporte do Super Bowl.

 

David Morgan: Não poderia deixar de ser lembrada a grata "surpresa" destas últimas semanas, em especial dos jogos contra Green Bay e contra os Bears. O TE David Morgan tem feito uma enorme diferença a favor da equipe de Minnesota, nestas últimas partidas, onde o titular Kyle Rudolph teve sua participação limitada por conta de uma lesão na perna. Morgan levou a bola de jogador da partida contra o time dos Packers, por ter sido o reserva imediato do lesionado LS Kevin McDermott, além de contribuir com 2 recepções naquele jogo. Contra os Bears, Morgan foi acionado 3 vezes e garantiu ao time 2 primeiras descidas em suas jogadas. Além de um excepcional bloqueador, ajudando nas jogadas de corrida, Morgan tem aparecido no jogo aéreo e isso o faz ser ainda mais percebido pelos torcedores e principalmente, pelas equipes adversárias. Sucesso ao TE e que suas apresentações com o time sigam cada vez melhores e mais importantes rumo ao título.

 

Ryan Quigley: Sim, o Punter da equipe dos Vikings também merece destaque após esta partida contra os Bears, isso porque Quigley se torna o primeiro jogador da equipe de Minnesota a fechar a temporada regular com NENHUM punt dentro da endzone, o chamado touchback. Ao longo da temporada foram 71 punts chutados pelo jogador, o que torna a marca ainda mais memorável.

 

NOTÍCIAS NÃO TÃO BOAS ASSIM:
 

Time de especialistas: Ao passo que listamos Quigley como destaque nesta partida contra os Bears, seus amigos de equipe devem tomar um belo puxão de orelha da comissão técnica dos Vikings. O único TD da equipe de Chicago na partida, veio de uma distração do time de especialistas, que foi ludibriado pelo recebedor "escondido" dos Bears. Ressaltamos que esta pontuação não interferiu no resultado final do jogo, mas serve de alerta para as próximas partidas, onde qualquer posse de bola ou desatenção com jogadas deste nível podem decidir o jogo. 

 

 

Destaque do Jogo: 

 

Latavius Murray: O grande destaque da partida vai para o RB da universidade da Florida Central, que anotou 111 jardas terrestres, 3 jardas aéreas e 2 TD's na vitória dos Vikings sobre a equipe de Chicago. Murray encerrou a temporada regular como o principal RB do time, com 842 jardas terrestres e 8 TD's (mesmo não tendo sido titular das 4 primeiras partidas). T-Train mostrou para o que veio quando assinou seu contrato com a equipe de Minnesota nesta intertemporada, anotando 2 TD's contra os Bears em jogadas de Goal line (descidas com menos de 10 jardas para a endzone), marca do jogador forte e robusto.

 

Lideres dos Vikings no jogo:

 

Case Keenum: 21-29 / 189 jardas / 1 TD
Latavius Murray: 20 corridas / 111 jardas / 2 TD's
Stefon Diggs: 6 recepções / 65 jardas / 1 TD
Harrison Smith: 6 tackles (4 solo) 

 

Compartilhar no Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

MVP – Minnesota Vikings Podcast 055 – Vikings NFL Draft 2019

02.05.2019

1/5
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Vikings FA é um site sobre o Minnesota Vikings em português sem qualquer vínculo com o time da NFL. Toda informação contida no site é de responsabilidade do criador deste ou, quando traduzido, do autor de determinado texto e não reflete qualquer opinião do Minnesota Vikings, da NFL, ou qualquer outro time da liga.

© 2017-2019 por VikingsFA.