Que o passado Viking se faça presente no Minnesota Vikings

A história dos países nórdicos/escandinavos sempre mostrou que entre as principais características da cultura Viking está um povo guerreiro, explorador, que invadia outros países para saquear e conquistar terras. Traçando um paralelo entre esse passado cultural, é fácil enxergar que tais características representam perfeitamente o atual momento que Minnesota Vikings atravessa na NFL.

 

Após ter tropeçado algumas vezes na atual temporada da NFL, o time terá nas próximas semanas, duas verdadeiras batalhas fora de casa, onde precisará conquistar ao menos uma vitória para manter boas chances de chegar à pós-temporada. Ou seja, a cultura invasora nórdica nunca se fez tão necessária para o time.

 

Diante disso, faremos uso da licença poética para transformar nossos próximos passos na competição em uma crônica onde tentaremos remeter o passado Viking ao presente dos Vikings.

 

No próximo domingo (2), às 19h25, os Vikings tentarão realizar sua primeira “invasão”. A batalha será contra ninguém menos que o hegemônico Patriots de Bill Belichick e Tom Brady, no reino de New England, ou Nova Wessex, que era a nomenclatura da Inglaterra na história antiga.

 

Os desafios serão enormes, mas se conseguir apresentar o mesmo nível de equilíbrio entre ataque, defesa, jogo corrido e jogo aéreo que demonstrou na vitória sobre o Green Bay Packers, por 24 a 17, no último Sunday Night Football (SNF), temos chance de conquistar o resultado positivo.

 

Para isso, a equipe do Earl Mike Zimmer precisará de um playbook arrojado no ataque, e torcer para que a sempre eficiente parede de escudos continue blindando o time de sofrer muitos pontos, afinal a batalha estará diante de um “Deus da Guerra” chamado Bill Belichick, que com certeza irá nos atacar tão logo chegarmos em território inimigo.

 

Passada essa batalha, entre mortos e feridos, teremos oito dias até o Monday Night Football (MNF), para tentar uma outra “invasão”, dessa vez ao reino de Seattle, onde o famoso guerreiro Russell Wilson, será linha de frente para conter nosso exército.

 

Dessa vez, o principal método para conter o poderio de guerra dos inimigos será nossa parede de escudos. Danielle Hunter, Everson Griffen, Linval Joseph e Sheldon Richardson precisarão conter o ímpeto do jogo terrestre do Seahawks, que é hoje um dos melhores da Liga. Além deles contaremos também com a pressão que Harrison Smith e Anthony Barr fazem.

 

Por isso, companheiros de sangue roxo, está na hora de nossas crenças se fazerem valer. Consultem o Oráculo, preparem suas oferendas e sacrifícios, Odin precisa nos achar merecedores de pelo menos uma invasão de sucesso.

 

 

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Redator VikingsFA: Felippe Drummond

  

Compartilhar no Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

MVP – Minnesota Vikings Podcast 055 – Vikings NFL Draft 2019

02.05.2019

1/5
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Vikings FA é um site sobre o Minnesota Vikings em português sem qualquer vínculo com o time da NFL. Toda informação contida no site é de responsabilidade do criador deste ou, quando traduzido, do autor de determinado texto e não reflete qualquer opinião do Minnesota Vikings, da NFL, ou qualquer outro time da liga.

© 2017-2019 por VikingsFA.