5 cenários para resolver os problemas da OL do Vikings

Fala galera do sangue roxo, tudo ótimo, tudo certo com vocês? Carnaval já na porta, Combine já esquentando novamente as Time Lines da galera do Twitter, rumores e mais fofocas sobre o que se passa no mundo da NFL, nesta semana onde os 32 GM's da NFL + comissões técnicas se encontram em Indianópolis, para auditar e escutar os novos prospectos a carreira de jogador profissional de futebol americano.

 

Neste clima envolvente de novos talentos, ninguém menos que Raphão Martins, nosso querido parceiro do MVP Podcast e grande entusiasta de avaliar os calouros que chegam ao Draft todos os anos, no Brasil, entrou no calor do momento e resolveu dar uma palhinha, do que a equipe do Minnesota Vikings, pode fazer para endereçar e sanar seu recorrente problema com qualidade e desempenho dos "gordinhos" que protegem o QB do time.

 

Conservador

 

Nesse cenário o Vikings melhora a OL, mas não coloca a unidade entre as melhores da liga.

 

* Chris Lindstrom, OG, Boston College (escolha de primeira rodada Draft)

 

 

Reiff - Easton - Elflein - Lindstrom - O'Neill

 

Minnesota busca um dos jogadores mais seguros do Draft em Lindstrom. O Guard de Boston não tem o potencial mais alto, mas demonstra poucas falhas no seu jogo.

 

Tem experiência como Guard e Tackle, mas parece ter se achado atuando no interior da linha ofensiva.

Realista 1

 

Nesse cenário a OL não estará entre os principais grupos da NFL, mas dará um salto para se tornar uma unidade acima da média da liga.

 

* Cody Ford, OG/OT, Oklahoma ou Dalton Risner, OT, Kansas State (escolha de primeira rodada) + Trade Up por Elgton Jenkins, C, Mississippi State

 

 

Reiff  - Elflein - Jenkins - Ford - O'Neill

 

Perdendo a guerra da Free Agency, Minnesota precisa apostar todas as fichas no draft.

 

Ford tem experiência como Guard e Tackle e pode ajudar a equipe com seu tamanho e força física. O novato de Oklahoma pode ser desenvolvimento para ocupar a posição de OT numa possível saída de Reiff em 2020.

 

Jenkins é muito forte e atlético. Chega para mudar a cara do interior da linha e ajudar Elflein a se reerguer ocupando a posição de LG.

Realista 2

 

Nesse cenário, escolha de primeira rodada + troca de jogadores ajustam as coisas na OL do time.

 

* Garrett Bradbury, C, NC State (escolha de primeira rodada Draft) + Troca de Trae Waynes por Josh Sitton, OG, Miami Dolphins

 

 

Reiff - Elflein - Bradbury - Sitton - O'Neill

 

Vikings escolhe o melhor Center da classe na primeira rodada e envia Trae Waynes para Miami em troca de Josh Sitton.

 

Ambos jogadores correm risco de corte em um futuro breve, mas podem se privilegiar em novos ares ocupando posições deficitárias do elenco (OL em Minnesota e secundária em Miami).

Agressivo 1

 

Com agressividade e compromisso o Vikings consegue sair da água pro vinho e entra em 2019 com uma unidade Top 10 na liga.

 

* Jawaan Taylor, OT, Florida (escolha de primeira rodada Draft) + Troca de Xavier Rhodes por Rodney Hudson, C, Oakland Raiders

 

 

Reiff - Elflein - Hudson - Taylor - O'Neill

 

Minnesota consegue força e imponência no interior da linha, enviando Rhodes por Rodney Hudson.

 

Taylor chega pelo Draft e começa a criar casca no interior, enquanto Reiff entra no seu provável último ano com o time.

Agressivo 2

 

Nesse cenário, os Vikings forçam uma verdadeira revolução na linha e chegam para brigar pelo titulo de melhor unidade de linha ofensiva da NFL.

 

* Jawaan Taylor, OT, Florida (escolha de primeira rodada Draft) + Troca de Riley Reiff e Trae Waynes por Kelechi Osemele, OG, Oakland Raiders + Contrato com o Free Agent, Matt Paradis, C, ex Denver Broncos

 

 

O'Neill - Osemele - Paradis - Elflein - Taylor

 

Raiders foi agressivo na limpa de 2018 e entra em 2019 com Mayock a frente da front office. Novos GM's não costumam ver grandes contratos firmados por seus antecessores com bons olhos.

 

 

*Nota do Redator: Raphão revolucionando o time todo neste Agressivo 2, estou ansioso pelo "Seja o GM do VikingsFA do Raphão hein!

Estas são as 5 possíveis ou nem tão possíveis assim, realistas e malucas ideias, para o time dos Vikings endereçarem sua deficiência maior de 2018 e começar 2019 com o pé direito, pelo menos no papel.

 

Comentem, critiquem, deem sugestões, façam seu papel de torcedores e ajudem a equipe dos Vikings chegarem melhor em 2019 com suas opiniões!

 

Grande abraço a todos e SKOL VIKINGS!!!!

 

Compartilhar no Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

MVP – Minnesota Vikings Podcast 055 – Vikings NFL Draft 2019

02.05.2019

1/5
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Vikings FA é um site sobre o Minnesota Vikings em português sem qualquer vínculo com o time da NFL. Toda informação contida no site é de responsabilidade do criador deste ou, quando traduzido, do autor de determinado texto e não reflete qualquer opinião do Minnesota Vikings, da NFL, ou qualquer outro time da liga.

© 2017-2019 por VikingsFA.